Conselhos Para quem vai para a Universidade

-setembro 07, 2019-

Conselhos Para quem vai para Universidade
- Conselhos para quem vai para a faculdade - 

Alguns destes conselhos que vou deixar-vos aqui, são conselhos que gostaria de ter tido antes de começar a licenciatura. Para quem não sabe à pouco tempo lançamos um artigo: Universidade depois dos 25 é possível?


 Devem começar a estudar já. Se já sabem que entraram para a universidade, ou se acham que existe uma grande possibilidade disso. Comecem já a rever matéria que deram anteriormente, que seja útil para a vossa licenciatura, principalmente se já não estudam há algum tempo.

 Olhem, se possível, para as disciplinas e seus conteúdos e comecem a pesquisar sobre esses temas. Principalmente se nunca estiveram em contacto com os mesmos. Para que não se sintam uns alienígenas que acabaram de cair na Terra. (eu senti-me assim nas aulas de matemática :p )



 Assim que tiverem o vosso horário e as datas das vossas frequências, organizem-se logo mediante isso.  Comecem a estudar todos os dias, para quando chegar a hora das frequências, umas em cima das outras, estejam bem preparados.

Se não podem fazer todas as disciplinas, ou não querem, escolham bem as disciplinas, devido às precedências. As precedências são a existência de algumas disciplinas, que para as fazerem necessitam de outras, como tal escolham muito bem tendo isso em mente.

Esclareçam todas as vossas dúvidas com os vossos professores, nem que seja no final da aula.

Façam escolhas, se virem que as vossas notas não estão a correr como queriam, e que há uma disciplina que vos está a fazer perder muito tempo, porque não têm as bases suficientes para a fazer, então se calhar é melhor abdicarem dela, e fazerem-na mais tarde. Foquem-se em todas as outras.  Eu fiz isso, por não ter todas as bases necessárias de matemática, e por estar enferrujada, decidi não fazer a disciplina de matemática, deixando-a para mais tarde, e as minhas notas melhoraram consideravelmente.

Leia também:  “Universidade depois dos 25”.

Relógio na época de frequências e exames, a minha primeira frequência correu-me horrivelmente mal, por dois motivos porque perdi tempo de estudo a tentar adquirir as bases de matemática, e porque não tinha um relógio para "controlar" o tempo.


Já sabem se gostaram deste artigo ajudem-nos a partilha-lo. Já agora se gostam de artigos de viagens, comida e restaurantes, subscrevam o nosso blog, carregando aqui no "sininho" do lado esquerdo, e sigam-nos nas nossas redes sociais,  facebook Instagram: @quantobastee. Pois lá vão encontrar conteúdos exclusivos, e também vão ficar a par de todas as novidades.  

Xauzinhooo e até à próximaaaa 😉
Mar

Posts Relacionados

0 comentários