Fundo Escuro de Vaca - Receita - Videoaula

by - agosto 02, 2020

Adicionar legenda

O fundo/caldo escuro pode ser utilizado diretamente nos pratos de carne, como também pode servir de base para outros molhos e caldos.

O processo que é realizado para fazer este caldo, corando os ossos de vaca/vitela, permite obter um sabor muito mais rico deste, ficando um caldo mais intenso que o Caldo de Carne que ensinamos anteriormente.


Este caldo vai dar um toque muito especial aos vossos pratos, especialmente porque estão a fazer algo caseiro, muito mais saudável do que os molhos de compra.

Na nossa videoaula, abaixo, vamos ensinar-vos a fazer este caldo da forma mais natural possível, sem quaisquer corantes, aromatizantes, espessantes e emulsionantes adicionados.

Ingredientes, utilizados na nossa videoaula:

           -  3kg de Ossos de vaca e aparas;
           - 350gr de Cebola, incluindo cascas;
- 125gr de Cenoura, incluindo cascas;
- 126gr de Aipo;
- 1 pequeno ramo de Salsa;
- 2 folhas de Louro;
- Tomilho q.b.;
            -  100ml de Vinho Branco Seco;
            -  100gr de Polpa de Tomate;
            -  Sal e Pimenta q.b.;
            -  6L de Água.

Vejam o nosso vídeo até ao fim, pois só assim vão poder ver todas as dicas deixadas. Não se esqueçam o vídeo está em reprodução automática, por isso coloquem-no do início e ativem o som.



Dicas q.b.: Há quem junte a gordura obtida do processo, de levar os ossos a corar, na panela em que se leva os ossos a cozinhar mais os legumes. No entanto, se depois durante o processo de cozedura o objetivo é retirar as impurezas e gordura, que vai aparecendo ao cimo, não nos faz sentido juntar-se essa gordura no processo de cozedura. Aproveitamos essa mesma gordura e reservamos, por exemplo: em frascos de iogurte, e fica-se com uma gordura natural e aromatizada naturalmente pelos legumes. 

Outra dica q.b.: Se quiserem o vosso caldo com menos gordura possível, quando o colocarem num recipiente para arrefecer, conforme  este for arrefecendo, vocês vão poder tirar facilmente a gordura que se vai acumulando à superfície.  

Deste caldo pode resultar um derivado chamado Molho Espanhol, que será o nosso próximo artigo, onde também iremos ensinar a fazer um dos seus derivados o famoso Demi-Glace, este último é muito usado para finalizar pratos de carne, como por exemplo um simples bife grelhado.


Se estão a gostar destas videoaulas ajudem-nos com este projeto e partilhem com os vossos amigos, sigam-nos nas nossas redes sociais,  facebook Instagram: @quantobastee. Subscrevam aqui o nosso blog, carregando no “sininho”, aqui do lado esquerdo, para receberem todas as novidades fresquinhas.

Não deixem de assistir às nossas outras videoaulas, pois algumas das noções que vos passamos foram adquiridas ao longo dos meus 3 anos de curso de cozinha e pastelaria.

Fiquem atentos porque a próxima videoaula, será sobre: Molho Espanhol, que tem como derivado o Demi-Glace. Esses molhos vão ser ensinados aqui no nosso blog no próxima videoaula, portanto não deixem de nos subscrever tanto aqui no blog como no Youtube.

Xauzinho e até à próximaaaa 😊



You May Also Like

0 comentários